Porte de IPVA e seguro não é mais obrigatório

Não é mais necessário o porte dos recibos originais de IPVA e seguro obrigatório DPVAT do seu veículo.

Conforme a determinação da resolução nº205 do Contran, a documentação obrigatória que os motoristas deverão portar nas ruas e estradas volta a ser  somente a Carteira Nacional de Habilitação e o Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo (leia-se carteira de motorista e documentos do carro).

Porém, somente os originais destes documentos serão aceitos pela fiscalização. Não mais serão aceitas cópias, mesmo que autenticadas, destes documentos, devido à dificuldade de verificação da autenticidade na hora da abordagem.

Esta nova regra entrou em vigor na última sexta-feira (05/06/09) e quem não tiver os documentos originais estará comentendo infração leve, sujeito à multa de R$53,20, três pontos na carteira e retenção do veículo.

fonte: Folha de S. Paulo

Faça o primeiro comentário no artigo "Porte de IPVA e seguro não é mais obrigatório"

Comente este artigo

Seu email é obrigatório, mas não será mostrado.


*